Como Colocar seu Site no Google – Guia Completo

Como Colocar seu site no Google

Primeiramente, tráfego orgânico não é gratuito!

Gosto sempre de deixar bem claro porque muita gente acha que simplesmente vai criar um site, colocar meia duzia de palavras chaves e pronto. Vai atingir o TOP #01 do Google e gerar vendas no piloto automático, quem dera se fosse assim.

Nesse guia eu vou te dar o passo-a-passo de como ter o seu site no Google e consequentemente conseguir mais visitantes para o seu site / blog.

guest posts

Nós vamos falar aqui sobre otimização de sites para conseguir mais visitas organicamente nos mecanismos de buscas, as otimizações são dividias em duas categorias: On-page e Off-page.

On-Page

Otimização On-page são melhorias que você vai precisar fazer dentro do seu site vamos falando sobre os pontos mais importantes dessa otimização:

Título

O título da sua página ou postagem tem fator altamente relevante para os mecanismos de buscas, isso deve-se ao fato de que o Google usa robôs para fazerem a leitura das páginas e assim conseguir identificar o que tem relevância e o que não tem para determina palavra-chave.

É como se fosse o título de uma redação. Naturalmente o Google vai dar mais peso para títulos otimizados do que para títulos não otimizados.

Ps.: O mesmo se aplica para artigos em blogs.

Tamanho do título

O tamanho do título não tem uma influência direta no ranqueamento, mas tem um forte impacto na experiência do usuário, se você utiliza um texto com mais de 60 palavras quando ele é exibido na SERP ( Página de resultados do Google) ele acaba cortando parte do título e isso pode ser muito ruim para o seu tráfego, em contrapartida um título muito curto pode não conseguir chamar a atenção o suficiente para o usuário tomar a ação de clicar e ler o seu conteúdo.

titulo-onpage

Títulos com mais de 60 palavras

O ideal é que o título tenha a palavra-chave que você deseja ranquear e uma chamada atrativa, algo que desperte o interesse do leitor.

Meta Description

A meta description, não tem influência no ranqueamento foi-se o tempo que colocar palavras-chave na meta description ajudava no ranqueamento, hoje elas têm função de atrair o usuário. Nos meus artigos eu sempre utilizo para chamar a atenção e coloco sempre uma CTA ( Call-to-Action) pedindo que ele tome alguma ação, geralmente: clique aqui para saber como resolver o problema X,Y,Z.

URL

Sem um efeito direto no posicionamento, o ideal é que a url seja amigável e o objetivo disto é que ela seja facilmente guardada na cabeça dos leitores, não vale a pena utilizar urls longas e complexas.

Eu geralmente coloco nos meus artigos o nome do artigo como URL, eu utilizo a configuração do WordPress igual ao do dinheiroganhar.net deixando a url mais limpa , ex.: www.dominio.com.br/nome-do-post

KeyWords

Aqui é onde muita gente peca, o planejamento das keywords corretas para conseguir um bom posicionamento organico e consequentemente gerar mais tráfego.

Muita gente acha que para fazer um bom trabalho de palavras-chave é necessário ficar repetindo várias vezes a mesma palavra, além de ficar uma leitura cansativa o Google pode até te penalizar por essa prática.

As Keywords tem o papel apenas de guiar o robô do Google para o que você está falando. Há quem discorde disto, mas o foco do Google não é que você escreva um texto impecável para ele, o foco do Google é que você escreva um texto impecável para o seu leitor.

No SEO ( Search engine optimization, ou técnicas de posicionamento de sites) atual existe uma coisa chamada campo semântico que vai além de keywords bem posicionadas, a maior relevância dada pelo Google é: O conteúdo está resolvendo problemas? se sim, ele classifica positivamente caso contrário ele simplesmente não da bola para esse conteúdo e não ranqueia bem.

Eu vejo quase todo mundo falando de pesquisas de palavras-chave, ferramentas para saber o que estão buscando e blah blah, nada disso faz sentido se o seu conteúdo não for bom o suficiente para prender a atenção das pessoas e isso nos leva para o próximo tópico.

Taxa de permanência

Na verdade no Google analytics esse dado é mostrado como “duração média da sessão“. Essa métrica avalia o tempo de permanência de um usuário dentro da sua página.

Vamos fazer uma analogia rápida aqui, suponhamos que você queira ir em uma pizzaria em uma cidade que você não conheça ai você vai no seu amigo Joãozinho e pergunta:

– Joãozinho, onde tem uma pizzaria aqui por perto?
– Joaozinho responde, Na próxima rua a esquerda o nome da pizzaria é: XYZ pizzas.

2 dias depois você chega para o Joãozinho e faz a mesma pergunta: onde tem uma pizzaria aqui por perto?

Tente imagina qual seria a reação do Joãozinho? no mínimo ele vai pensar, o que será que houve? a pizza estava ruim? foi mal atendido?

É exatamente assim que o Google se sente, quando entra um usuário no seu site volta para o Google e continua buscando o mesmo termo.

O Google entende que o resultado que ele mostrou não foi efetivamente bom, pois o usuário não se manteve por ali portanto quanto maior o tempo de permanência do usuário no seu site, melhor.

Isso explica o motivo dos conteúdos que estão colocados nas primeiras posições têm em média mais de 2000 caracteres.

top-serp-length

Um conteúdo longo definitivamente é melhor para ranqueamento que um conteúdo curto.

Imagens

Imagens também têm peso importante para os fatores de ranqueamento, nesse caso o ideal é que as ALT TAG das imagens contenham a palavra chave principal, assim o Google consegue entender do que se trata essa imagem e além de te ajudar nos resultados normais, vai te ajudar também nos resultados do Google images, que é uma coisa muito boa.

Ferramentas para otimização On-Page

Eu vou deixar aqui algumas das ferramentas que eu utilizo para fazer uma otimização On-page dos meus sites e de meus clientes.

GTMetrix

O GTMetrix avalia todos os aspectos técnicos de um site, mostra a velocidade do site e como você pode fazer para melhorar.

gtmetrix-resultados

É uma ótima ferramenta para melhorar o seu site e assim conseguir ganhar alguns pontos com o Google, principalmente o tempo de carregamento. O tempo de carregamento alto faz as pessoas desistirem precocemente o seu site gerando assim taxa de rejeição e prejudicando o seu posicionamento.

WooRank

A segunda ferramenta da nossa lista é o WooRank, ele vai te dar uma análise completa do seu site, todas as Tags H1, H2, H3 que você está usando, tempo do domínio, adaptação para dispositivos móveis, é uma ferramenta indispensável para você fazer uma auditoria no seu site.

woorank

W3 Total Cache

W3 Total Cache é um plugin do WordPress, se você não usa o WordPress eu te recomendo fortemente que use. A quantidade de plugins e sistemas prontos que podem facilitar a sua vida em vários aspectos são incríveis.

Esse plugin ele limpa o cache do seu servidor eliminando arquivos desnecessários e fazendo com que ele fique mais rápido, lembre-se quanto mais rápido menos chances de as pessoas deixarem precocemente o seu site por não ter carregado.

Plugin SEO by YOAST

Para finalizar a nossa lista de ferramentas de otimização on-page, vou deixar para vocês o plugin SEO by YOAST, ele facilita muito na hora de você escrever seus artigos mostrando para você dados importantes como: densidade de palavras chaves e alguns fundamentos para um bom SEO on-page. mais serve de um checklist, mas é indispensável.

yoast-seo

Ufa, terminamos a otimização ON-Page, vamos para Off-page?

Off-page

Off-page são elementos que você não consegue controlar diretamente, mas podemos dar uma “ajudinha” para que eventos aconteçam e fortaleça o nosso ranqueamento.

É impossível falar de off-page sem falar de atração de links ou link-building, deixa eu te explicar como funciona tudo isso.

O Google tem um fator de ranqueamento chamado Page Rank o page rank é altamente impactado por duas métricas importantíssimas o PA( Page Authority) e DA( Domain Authority).

PA e DA

Com números baixos de PA e DA, fica praticamente impossível ranquear um site ou blog nas primeiras posições.

A forma de você conseguir aumentar esses números são através de links, atraindo links ou seja, pessoas falando sobre o seu site.

Mas, o Google tem alguns critérios para que isso seja relevante. Durante muito tempo o Google simplesmente considerava qualquer link apontando para o seu site, com algumas atualizações ele passou a ser mais criterioso nesse ponto e começou a reconhecer apenas links de “relevância” começou a só transmitir autoridade para sites do mesmo nicho isso quer dizer que se você tem um site de emagrecimento e receber um link de uma agência de turismo por exemplo esse link não vai contar para o aumento do seu PA e DA.

Para você checar o PA e DA de um site, pode utilizar a MozBar é uma extensão disponível para o Google Chrome e FireFox.

Melhor forma de atrair links para o seu site

Não há atalhos para isso, o único e melhor caminho a se seguir é PRODUZIR CONTEÚDO. produzir conteúdo da melhor qualidade, conteúdos ricos têm chances maiores de atraírem menções, links e indicações por outros sites.

No meu blog eu busco sempre escrever artigos bem ricos e completos, é uma estratégia que além de oferecer algo de qualidade para quem lê meu blog aumentam as chances de eu receber links apontando para o meu conteúdo.

Mídias sociais

Uma outra forma de conseguir uma boa geração de tráfego através de elementos Off-page é cuidar bem das suas mídias sociais, apesar de eu ter falado que você precisa receber links para aumentar o seu PA e DA eu não te falei que os links são divididos em duas categorias: NoFollow e DoFollow, os links NoFollow NÃO tem relevância para o Google eles não contam para o aumento do seu PA e DA e DoFollow são links que contribuem para o aumento da sua autoridade.

Para saber quais links são DoFollow e quais são NoFollow eu utilizo a extensão NoFollow para o Google Chrome, assim ele me sinaliza toda vez que entro em uma página e tem algum link DoFollow.

A maioria das mídias sociais permitem links NoFollow, ou seja eles não tem relevância para o Google porém existe uma relação oculta entre o Google e mídias sociais, como o nosso objetivo aqui é atrair visitas quanto mais mídias sociais você estiver mais o seu conteúdo está sendo proliferado na internet. Para isso vamos contar com a ferramenta KnowEm para saber em que mídias sociais poderíamos estar presente e não estamos.

Como existem muitas mídias e isso levaria muito tempo vou apresentar para vocês uma forma de automatizar esse processo e assim ganhar tempo, você pode usar o IFTTT para integrar suas mídias sociais.

O IFTTT é uma ferramenta que permite você integrar diversas mídias sociais e te economizar um baita tempo, por exemplo você consegue integrar sua conta do Facebook com a do Twitter e assim que você posta alguma coisa no Facebook automaticamente posta no Twitter o mesmo conteúdo.

Eu tenho integrado quase tudo que é mídia social e basicamente utilizo o Google+, Facebook e Instagram.

Considerações finais

Bom pessoal, 1.900 palavras acho que é por aí.

Tenho certeza que vocês seguindo esses passos, criando essas otimizações tanto on-page quanto off-page o seu tráfego vai aumentar e muito tudo que eu ensinei para vocês aqui são técnicas que eu já venho utilizando há anos para mim e para meus clientes.

E não se esqueça, nunca é tarde para investir em SEO, SEO é um ativo muito interessante para você cultivar, depender de anúncios pagos é algo extremamente ruim principalmente para quem vive de vendas de afiliados que existe na maioria dos casos uma grande taxa de reembolso.

O trabalho de SEO não é rápido, mas é algo durável e consistente quer um conselho? Vale a pena investir ;)

Um grande abraço e até a próxima.

P.S.: Que tal ter o seu próprio negócio na Internet que lhe permita trabalhar de onde quiser e no horário que preferir? Imagine ter um negócio online que lhe dê dinheiro até mesmo enquanto você está se divertindo ou dormindo.... Parece bom demais para ser verdade? Pois saiba que isso é uma realidade para mim e para milhares de pessoas! Clique aqui agora e descubra como você também pode conseguir isso.

Gostou Deste Artigo?

Então Inscreva-se GRÁTIS para receber todas as minhas novidades no seu e-mail.
Comentários
  1. 7 meses ago
    • 6 meses ago
  2. 7 meses ago
    • 6 meses ago
  3. 7 meses ago
  4. 7 meses ago
  5. 6 meses ago
    • 6 meses ago
  6. 6 meses ago
  7. 6 meses ago
  8. 6 meses ago
    • 6 meses ago
  9. 6 meses ago
  10. 6 meses ago
  11. 5 meses ago
  12. 5 meses ago
  13. 5 meses ago
  14. 5 meses ago
  15. 4 meses ago
  16. 4 meses ago
  17. 4 meses ago
  18. 4 meses ago
  19. 4 meses ago
  20. 2 meses ago

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

ATENÇÃO: Aula Online GRÁTIS Revela Como Começar a Ganhar Dinheiro na Internet em Uma Semana VER AGORA!